Sistema Famato
FAMATO
IMEA
       
Fale Conosco
 
   
 
 
19 de Jun de 2020

voltar
 
PARCERIA
Entidades se reinventam para manter os serviços às pessoas com necessidades especiais
 
Material didático entregue pela Apae de Lucas do Rio Verde
 

Desde que começou a pandemia do coronavírus, sexta-feira é sempre um dia muito especial para os integrantes do Programa de Equoterapia, da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), de Lucas do Rio Verde. Com as aulas suspensas, a instituição envia todas as sextas-feiras atividades impressas e até vídeos para amenizar a saudade que os participantes sentem dos encontros presenciais. 

Adriana da Silva, de 40 anos, filha da dona de casa Vitória Martelli, é uma das alunas que fica feliz com a chegada do material. A mãe elogiou a iniciativa e diz que o envio das atividades melhorou muito o dia a dia da filha.

Vitória conta que quando uma pessoa especial não desenvolve nenhuma atividade, a irritação e o estresse aumentam. “Esta iniciativa foi muito boa, porque a Apae envia os vídeos online e traz as atividades para fazerem em casa. Eles não estão tendo aula, mas também não estão parados”.

A fisioterapeuta do Programa, Lucimara de Paula, acrescenta que foi criado um grupo no whatsapp com os pais para o envio dos vídeos e interação. “Além disso, nos organizamos para levar até a casa dos participantes, as atividades impressas sobre o tema de cada aula”.

Ela diz ainda que já foram feitos vídeos sobre a limpeza dos animais, materiais de encilhamento, andadura dos cavalos e vários outros. “É uma forma de manter o contato dos participantes com a equoterapia”.

ENTREGA DE KITS – Com o objetivo de apoiar as instituições que executam atendimentos gratuitos para a população carente, o Senar-MT desenvolve, em parceria com os Sindicatos Rurais e demais entidades, o Programa de Equoterapia. A atividade oportuniza a interação entre pessoas com necessidades especiais e os cavalos. Além dos kits, o Senar-MT também capacita os parceiros e apoia financeiramente as instituições.

No primeiro semestre de 2020, o Senar-MT - junto aos Sindicatos Rurais - entregou 29 kits para as instituições parceiras. Além disso, nos seis primeiros meses deste ano, respeitando todas as regras de combate e prevenção à pandemia, o Senar-MT registrou 3.096 atendimentos.

A renovação dos itens contribui para a manutenção de cada projeto. Cada kit contém seis mantas, três selas australianas e seis capacetes hípicos e foram distribuídos entre as instituições parceiras presentes em mais de 20 municípios do Estado. A cada dois anos uma equipe com representantes do Senar-MT e dos Sindicatos Rurais avalia os kits e planeja a substituição daqueles que apresentam desgastes.

Presidente da Associação Pestalozzi de Alto Taquari, Renata Turchetti, faz questão de destacar que os kits são fundamentais para a realização dos atendimentos. “São de excelente qualidade e muito importantes para proteção e segurança do participante”, afirma.



Fonte: Assessoria de Imprensa/ Senar-MT
 

VEJA TAMBÉM
Irmãs participam de cursos do Senar-MT e colocam criatividade em seus produtos
Senar-MT contou com a parceria da New Holland para capacitar 3.727 pessoas
Treinamento garante capacitação de profissionais para atuação em centros de Equoterapia
Inovação tecnológica é atração na Exposição Agropecuária de Poconé
 
Veja mais notícias

Buscar Cursos
 
 POR TIPO DE CURSO
 
 
  POR CIDADE
 
 
 
Formação Profissional Rural
 
 
Promoção Social
 
 
 
 
 
 
(65)3928-4800
SENAR-MT 2014 - Todos os direitos reservados
Política de Privacidade
senar@senarmt.org.br
 
Rua Eng. Edgard Prado Arze, sn, Qd 01
Setor A - Centro Político Administrativo
CEP 78.049.015 - Cuiabá-MT