Sistema Famato
FAMATO
IMEA
       
Fale Conosco
 
   
 
 
30 de Jul de 2019

voltar
 
ENSINO FORMAL
Projeto de iniciação científica da Faculdade CNA é apresentado pela primeira vez
 
Assessoria de Imprensa Senar-MT
 

Um projeto fruto do Programa de Iniciação Científica da Faculdade CNA foi apresentado pela primeira vez em um congresso da área. A pesquisa foi realizada pela aluna Nathália de Andrade Pereira, graduada recentemente no curso de Tecnologia em Gestão do Agronegócio, sob a orientação da professora Elisangela Pereira Lopes.

A apresentação aconteceu durante o 57º Congresso da Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural (Sober), realizado em Ilhéus (BA) de 21 a 25 de julho. O tema do projeto é "Novas Fronteiras Agrícolas Brasileiras: propostas para reduzir o déficit de armazenagem e melhorar a infraestrutura logística utilizada na produção de milho na região do Matopiba".

Segundo Nathália, durante a pesquisa foi possível notar a defasagem de armazenagem estática de grãos que existe na região do Matopiba (região formada por parte dos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia). Assim, o produtor não tem onde armazenar a produção para comercializá-la em momentos de entressafra, com valores melhores, e é obrigado a vendê-la após a colheita, com o custo de escoamento mais caro, pois a oferta de caminhões é menor.

"Também percebi que o consumo de milho no Nordeste é maior que a produção. Com isso é necessário que exista um tráfego de cargas agrícolas que atenda de maneira eficiente a região", afirmou Nathália.

Orientadora do trabalho, Elisangela Lopes, que é especialista em infraestrutura e logística pela CNA, explica que o artigo recomenda ações governamentais, com o apoio da iniciativa privada, que garantam a oferta adequada de serviços de transportes e armazéns no Matopiba.

Algumas ferramentas sugeridas incluem aporte de capital em ferrovias e hidrovias, além do aumento da capacidade estática pela disponibilidade de credito destinado à implantação de armazéns.

"Com isso, espera-se, em médio prazo, proporcionar o abastecimento de milho para as unidades produtoras da pecuária no litoral nordestino, com menores custos e maior eficiência econômica", disse a orientadora.

Congresso - O tema geral do evento procura intensificar as discussões sobre as interfaces entre agricultura e alimentação, na perspectiva de melhorar os rumos do desenvolvimento.

Os principais debates se concentram em alcançar a reconexão entre a agricultura e as cadeias alimentares, no sentido de promover a soberania alimentar, bem como o atendimento das necessidades sociais da população.

Na opinião de Elisângela, professora de Logística e Suprimentos da Faculdade CNA, encontros científicos são fontes essenciais para quem busca novos conhecimentos e o Congresso da Sober permitiu o enriquecimento do saber acadêmico, pois reuniu profissionais, especialistas, professores, estudantes e vários grupos de interesses na temática rural brasileira.

"Constituiu uma forma ímpar da nossa aluna Nathália trocar informações, aprimorar sua formação e divulgar a relevância da Faculdade CNA no setor agropecuário", disse Elisangela.

"A experiência foi incrível. Conheci muitas pessoas com o mesmo objetivo, que é discutir assuntos pertinentes ao desenvolvimento e aperfeiçoamento do agronegócio. Deu mais vontade de entrar nesse mercado e, agora, o meu objetivo profissional é atuar em favor desse setor que é tão importante", declarou a tecnóloga.

 



Fonte: Assessoria de Comunicação CNA
 

VEJA TAMBÉM
Faculdade CNA inicia Jornada Acadêmica de 2020
Faculdade CNA abre inscrições no próximo dia primeiro de junho
Faculdade CNA debate os desafios do profissional do agro
Faculdade CNA abre inscrições para Processo Seletivo 2020
 
Veja mais notícias

Buscar Cursos
 
 POR TIPO DE CURSO
 
 
  POR CIDADE
 
 
 
Formação Profissional Rural
 
 
Promoção Social
 
 
 
 
 
 
(65)3928-4800
SENAR-MT 2014 - Todos os direitos reservados
Política de Privacidade
senar@senarmt.org.br
 
Rua Eng. Edgard Prado Arze, sn, Qd 01
Setor A - Centro Político Administrativo
CEP 78.049.015 - Cuiabá-MT